7 de Setembro - Dia da Independência do Brasil

Hoje, 7 de Setembro, comemoramos o 187° aniversário da Independência do Brasil. Por todo o país, centenas de milhares de pessoas acompanham os desfiles cívicos-militares.

A Independência do Brasil é um dos fatos históricos mais importantes de nosso país, pois marca o fim do domínio português e a conquista da autonomia política. Muitas tentativas anteriores ocorreram e muitas pessoas morreram na luta por este ideal. Podemos citar o caso mais conhecido: Tiradentes. Foi executado pela coroa portuguesa por defender a liberdade de nosso país, durante o processo da Inconfidência Mineira.

Dia do Fico

Em 9 de janeiro de 1822, D. Pedro I recebeu uma carta das cortes de Lisboa, exigindo seu retorno para Portugal. Há tempos os portugueses insistiam nesta idéia, pois pretendiam recolonizar o Brasil e a presença de D. Pedro impedia este ideal. Porém, D. Pedro respondeu negativamente aos chamados de Portugal e proclamou : “Se é para o bem de todos e felicidade geral da nação, diga ao povo que fico.”

O processo de independência

Após o Dia do Fico, D. Pedro tomou uma série de medidas que desagradaram a metrópole, pois preparavam caminho para a independência do Brasil. D. Pedro convocou uma Assembléia Constituinte, organizou a Marinha de Guerra, obrigou as tropas de Portugal a voltarem para o reino. Determinou também que nenhuma lei de Portugal seria colocada em vigor sem o ” cumpra-se “, ou seja, sem a sua aprovação. Além disso, o futuro imperador do Brasil, conclamava o povo a lutar pela independência.

O príncipe fez uma rápida viagem à Minas Gerais e a São Paulo para acalmar setores da sociedade que estavam preocupados com os últimos acontecimento, pois acreditavam que tudo isto poderia ocasionar uma desestabilização social. Durante a viagem, D. Pedro recebeu uma nova carta de Portugal que anulava a Assembléia Constituinte e exigia a volta imediata dele para a metrópole.

Estas notícias chegaram as mãos de D. Pedro quando este estava em viagem de Santos para São Paulo. Próximo ao riacho do Ipiranga, levantou a espada e gritou : ” Independência ou Morte !”. Este fato ocorreu no dia 7 de setembro de 1822 e marcou a Independência do Brasil. No mês de dezembro de 1822, D. Pedro foi declarado imperador do Brasil.

Curiosidade

Fato pouco conhecido, mas absolutamente histórico: foi a a arquiduquesa austríaca, depois imperatriz do Brasil, Dona Maria Leopoldina Josefa Carolina Francisca Fernanda Beatriz de Habsburg-Lorena, esposa de D. Pedro I e mãe de D. Pedro II, que, antes do 7 de setembro, decretou a independência do Brasil em relação a Portugal.

Aconselhada por José Bonifácio, e usando seus atributos de chefe interina do governo, a Princesa Regente reuniu-se na manhã de 2 de setembro de 1822 com o Conselho de Estado, assinando o decreto da Independência que declarava o Brasil separado de Portugal. Ela tinha 25 anos de idade e uma grande lucidez!

Em seguida convocou um oficial de sua confiança, enviando por meio dele o decreto a D. Pedro, juntamente com uma carta sua e outra de José Bonifácio, solicitando com empenho a pronta decisão do Príncipe em favor da independência.

Acrescentou ainda papéis recebidos de Lisboa e comentários de Antônio Carlos Ribeiro de Andrada, deputado às Cortes, pelos quais o Príncipe-Regente se inteirou das críticas que lhe faziam na Metrópole.

Em Portugal, a posição de D. João VI e a de todo seu ministério, dominados pelas Cortes, era muito difícil. O oficial chegou ao príncipe no dia 7 de setembro de 1822, às margens do riacho do Ipiranga. O resto da história, já conhecemos.

Hino da Independência

O Hino da Independência é um dos símbolos oficiais da República Federativa do Brasil. Sua letra foi composta por Evaristo da Veiga e a música é de Dom Pedro I.

Segundo diz a tradição, a música foi composta pelo Imperador às quatro horas da tarde do mesmo dia do Grito do Ipiranga, 7 de setembro de 1822, quando já estava de volta a São Paulo vindo de Santos.

Este hino de início foi adotado como Hino Nacional, mas quando D. Pedro começou a perder popularidade, processo que culminou em sua abdicação, o hino, fortemente associado à sua figura, igualmente passou a ser também desprestigiado, sendo substituído pela melodia do atual Hino Nacional, que já existia desde o mesmo ano de 1822.

2 comentários para “7 de Setembro - Dia da Independência do Brasil”

  1. camila disse:

    adoro pesquisar no seu site

  2. alice disse:

    muito boom …

    Adorei tive ke fazer uma pesquisa sobre a Independência Do Brasil ….

    Bjoos Licêe (:
    Alicee (:

Deixe um comentário